• Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube

VOTE 23444

DIEGO GUIMARÃES

Coligação Cuiabá para Pessoas

Podemos - Cidadania - PSC
CNPJ: 38.735.456/0001-72

® 2020 Por Coningham & Siqueira

Cuiabá precisa de bons políticos.

Vote em Diego Guimarães 23444.

CPI da Semob convoca ex-procurador e vai contratar equipe técnica

A segunda reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Semob aprovou a convocação de Nestor Fernandes Fidélis que era procurador-geral do município na época da contratação dos semáforos inteligentes e teria apontado irregularidades no contrato. Também foi deliberada a contratação de uma equipe técnica para fazer um estudo no contrato do sistema semafórico da Capital. 


“É imprescindível a contratação de uma equipe técnica com um engenheiro de trânsito para que seja feito um laudo para apurar eventual ocorrência de sobrepreço e constatar se o funcionamento dos semáforos inteligentes é o adequado para nossa cidade” disse o presidente da CPI, vereador Diego Guimarães (Cidadania). 

A CPI tem como objeto a contratação dos semáforos inteligentes, contrato de serviço de recolhimento, custódia, gestão informatizada de veículos removidos por infrações administrativas ao código de trânsito brasileiro, a Junta Administrativa de Recursos de Infração (Jari) e indústria de multas e taxas. 


Notícias veiculadas na mídia dão conta de que Nestor teria alertado o secretário municipal de Mobilidade Urbana (Semob) Antenor Figueiredo Neto quanto aos problemas no contrato e que mesmo assim, Antenor teria ignorado o parecer da procuradoria que apontava várias irregularidades do contrato. “Esperamos que ele venha nos esclarecer algumas coisas da época em que esteve na procuradoria”, explicou Lilo Pinheiro autor do requerimento de convocação do ex-procurador. 


Junto à Mesa Diretora, os membros da comissão vão tentar um convênio junto a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) para que a equipe técnica seja composta por acadêmicos e professores da instituição. “Evidente que no quesito político nós estamos bem alicerçados, então é importante trazer um estudo técnico, como por exemplo da Universidade Federal. Vamos buscar firmar um convênio para ter um relatório eminentemente técnico”, ressaltou o vereador Wilson Kero Kero (Pode) membro da comissão. 


Documentos - Os membros da CPI estiveram na última semana na Delegacia Fazendária de Mato Grosso (Defaz) na qual pediram o compartilhamento de documentos da investigação de suposta fraude na licitação de aquisição dos semáforos inteligentes. Os vereadores ainda aprovaram nesta segunda-feira (18) a juntada do relatório de auditoria do Contrato nº 258/2017 elaborado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) que trata da contratação do sistema semafórico na cidade.